Segunda-feira, 30 de Março de 2009

reflexo em mim



em toda aquela absurda escuridão
em que me envolvo
não quero deixar que entre luz
não deixando
reparo em pontos de luz
que se formam
e me inundam de vida
 
imagem de alguém que foi
reflexo dum amor que é
 
formando luz ao meu redor
me esqueço do que não queria
reparo em pontos de intensa luz
 
formando o amor que desejo
não me escondo
na absurda escuridão que me envolve
reparo na vida
que trago dentro de mim
 
não esquecendo o amor que
foi...
observo a luz disforme
formando o corpo desse amor
envolvo-me nessa luz
 
esquecendo a escuridão que me envolvo
vivo
nessa luz tão breve
como o amor que é
imortalizo o olhar
nesses breves pontos de luz
e envolvo-me na minha escuridão
olhando a luz
nunca me esqueço
de ti...
 
teresa / fevereiro 2009
 
foto de José Dias Correia

publicado por ampulhetas1 às 01:24
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 7 seguidores

.pesquisar

 

.Abril 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
14
15
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. subida

. não há cura...

. harmonioso caminho

. caleioscópio

. rosto perdido

. desafinar sem querer

. se estou louca...são cois...

. morte lenta

. rabiscos de fùria...

. noiva de plástico

.arquivos

. Abril 2009

. Março 2009

.favoritos

. outro dos filmes....

. rever

. Um dia de trabalho...

. Foste feita para mim...

. AMOTE

. café

. Parece que o dono deste c...

. ENCONTRO A HISTÓRIA DEVID...

. AS COISAS QUE ESCAPAM

SAPO Blogs

.subscrever feeds