Segunda-feira, 30 de Março de 2009

entrei

Entrei por ali, por essa calorosa porta, esperando o conforto que o quente me daria, entrei por ali um dia...
Essa afável porta que me convidava a pensar viver mornamente uma tranquilidade, calda e de tão tépida
aterradora...

Entrei por ali, depois da porta, esperando...uma vida que sempre desejei fervorosa. Entrei cálida e docemente, pisando um novo chão seguro, recente e já conhecido...

Vivendo um princípio de tudo, por aquela porta, não previ um terminar de nada porque assim pintaram a minha entrada, tranquila e vazia de afectos...

Segura entrei por aí, numa casa cheia de sonhos mornos, não tardei em sair para ferver de emoções que não contive.
Naquela casa, depois daquela porta, assim me vi, plácida... e assim me viram devagar, demasiado devagar...e pentaram assim o resto da minha inacabada história.
Entrei morosamente, e saí fervendo buscando felizes e raros queres, já sem a tranquilidade que não soube viver...saí



Teresa Maria Queiroz/Março 2009

publicado por ampulhetas1 às 01:31
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 7 seguidores

.pesquisar

 

.Abril 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
14
15
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. subida

. não há cura...

. harmonioso caminho

. caleioscópio

. rosto perdido

. desafinar sem querer

. se estou louca...são cois...

. morte lenta

. rabiscos de fùria...

. noiva de plástico

.arquivos

. Abril 2009

. Março 2009

.favoritos

. outro dos filmes....

. rever

. Um dia de trabalho...

. Foste feita para mim...

. AMOTE

. café

. Parece que o dono deste c...

. ENCONTRO A HISTÓRIA DEVID...

. AS COISAS QUE ESCAPAM

SAPO Blogs

.subscrever feeds