Segunda-feira, 30 de Março de 2009

o amor adoeceu gravemente




preso por arames

esse amor adoeceu gravemente

de tanto sentir

rompeu o coração onde morava

de tanto pular

rir

brincar

chorar

e

gritar

de tanto crescer...

rasgou o coraçãoonde morava

esse amor

e

de tanta emoção...

esse amor

esse enorme amor

que já sufocando nesse enfermo coração...

adoeceu gravemente

sem força

já não pula

sem vontade já não ri

deu lugar ao vazio

no coração que rasgou

no coração onde morou

de tão vazio zangou-se de ser amor

de tão doente zangou-se com o coração onde morava

preso por arames

mudou de direcção

já não pula

não brinca

nem ri

em todos os minutos que passam

fica mais triste

mais magro

já não se alimenta de nada

esse amor adoeceu gravemente

e gravemente confunde os sentires

gravemente se opõe ao que um dia sentiu

esse amor adoeceu gravemente

quer curar-se dessa dor

deixou esse coração rasgado

quase sem nada

preso por fracos arames

costurado com linhas de esperança

hoje esse amor já não mora nesse coração

porque hoje esse amor

só tem vontade de ser ódio

porque ódio...

é quando o amor adoece gravemente

mas...

ainda há tempo e esperança...

curamos o nosso amor!

enche-lo novamente de alegria

tão enorme

que um dia terá que morar

não só num mas em dois corações!

costuramos esses corações com linha forte de esperança

alfinetes de alegria

botões de ilusão

salvamos o amor

que gravemente doente

e sem saber

se vai transformando em ódio...

 

Teresa Maria Queiroz/janeiro2009


publicado por ampulhetas1 às 01:07
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 6 seguidores

.pesquisar

 

.Abril 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
14
15
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. subida

. não há cura...

. harmonioso caminho

. caleioscópio

. rosto perdido

. desafinar sem querer

. se estou louca...são cois...

. morte lenta

. rabiscos de fùria...

. noiva de plástico

.arquivos

. Abril 2009

. Março 2009

.favoritos

. outro dos filmes....

. rever

. Um dia de trabalho...

. Foste feita para mim...

. AMOTE

. café

. Parece que o dono deste c...

. ENCONTRO A HISTÓRIA DEVID...

. AS COISAS QUE ESCAPAM

SAPO Blogs

.subscrever feeds